• Sri Aurobindo

A MATÉRIA: UMA FORMA DO ESPÍRITO


A aguda divisão que a experiência prática e longo hábito de mente criaram entre Espírito e Matéria não tem mais qualquer realidade fundamental. O mundo é uma unidade diferenciada, um multifacetado ser-um, não um compromisso entre dissonâncias eternas, não uma perpétua luta entre opostos inconciliáveis. Uma unidade inalienável gerando infinita variedade é sua fundação e seu começo; uma reconciliação por detrás de aparente divisão e luta, combinado todos os possíveis dispares para vastas finalidades, numa secreta Consciência e Vontade que é sempre uma e mestra de toda sua própria, complexa ação, parece ser seu caráter real no estágio intermediário; devemos admitir, por conseguinte, que um cumprimento da Vontade e Consciência emergente e uma triunfante harmonia deve ser sua conclusão.

Substância é a forma de si própria sobre a qual ela opera, e desta substância, se a Matéria é um extremo, o Espírito é o outro. Os dois são uma só coisa: o Espírito é a alma e realidade daquilo que percebemos como Matéria; a Matéria é uma forma e corpo daquilo que realizamos como o Espírito.

A real unidade jamais é abolida, e, quando retornamos à visão original e integral das coisas, vemos que ela jamais é sequer verdadeiramente diminuída ou prejudicada, nem mesmo nas mais espessas densidades da Matéria. Brahman é não somente a causa e poder de suporte e princípio residente do universo, ele é também seu material e seu único material. A Matéria também é Brahman e ela não é nenhuma outra coisa que diferente de Brahman. Se, de fato, a Matéria fosse separada do Espírito, isto não seria assim; mas ela é, como já vimos, somente uma forma final e um aspecto objetivo da Existência divina com a totalidade de Deus sempre presente nela e por detrás dela. Assim como esta aparentemente bruta e inerte Matéria está, por toda parte e sempre, animada por uma poderosa força dinâmica de Vida; assim como esta Vida dinâmica mas aparentemente inconsciente segrega em si uma não-aparente, sempre ativa Mente de cujas secretas operações ela é a energia patente; assim como esta ignorante, não iluminada e tropeçante Mente no corpo físico é suportada e soberanamente guiada pelo seu próprio si real, a Supramente, a qual está igualmente aí, na Matéria, bem como toda a Vida, Mente e Supramente são somente modos do Brahman, o Eterno, o Espírito, Sat-Chit-Ananda, que não somente reside em todas elas, mas é todas estas coisas, embora nenhuma delas seja Seu ser absoluto.

Sri Aurobindo – A Vida Divina

#SRIAUROBINDO #VidaDivina #Matéria #YOGAINTEGRAL #Divino #Natureza #Homem

68 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo